Rehagro Blog

Como a Inteligência Artificial pode auxiliar na produtividade?

Não são apenas os computadores e celulares que têm se aperfeiçoado com a globalização tecnológica, o campo também. A demanda cada vez maior por alimentação e subprodutos oriundos das lavouras, têm feito o produtor buscar rapidez e agilidade na tecnologia.

Neste artigo, abordaremos justamente como a Inteligência Artificial (IA) tem atuado no manejo e monitoramento de lavouras, trazendo mais produtividade, maiores escaladas e precisão nos negócios agrícolas.

O setor agrícola, agora está experimentando um rápido crescimento e adotando tecnologias avançadas para aumentar o rendimento geral das safras. 

O acesso a um grande número de equipamentos e tecnologias de ponta, como o sistema de monitoramento inteligente, drones, robôs, entre outros, revolucionou totalmente este setor.

A IA é uma tecnologia vital na atualidade da agricultura digital, que está sendo implementada e implantada em grande escala para um uso mais sustentável dos recursos disponíveis. Ela pode melhorar a eficiência agrícola de várias maneiras.

Inteligência Artificial na lavoura

As multi possibilidades que a IA oferece

Primeiro, ela pode determinar a qualidade das safras de grãos. 

Tradicionalmente, os agricultores teriam que avaliar manualmente os grãos, verificando se há doenças, pragas e a qualidade geral da safra. No entanto, esse processo é caro, demorado e suscetível a erro humano. Além disso, a inspeção humana pode levar a rendimentos mais baixos, pois as colheitas são danificadas durante a inspeção.

A IA não só oferece a possibilidade de reduzir o custo e o tempo gasto para realizar a inspeção, mas também permite que muito mais seja feito com os dados coletados. 

A tecnologia pode determinar rapidamente:  

  • Doenças ou pragas; 
  • Recomendar um curso de ação e 
  • A escala necessária para resolver o problema. 

Com essas informações, as soluções podem ser encontradas rapidamente e o problema corrigido com um custo ambiental mínimo. Este monitoramento também é muito menos intrusivo se comparado aos demais e, portanto, reduz o desperdício da colheita.

Outro benefício da IA é sua capacidade de prever o rendimento das safras. Ele pode fazer isso monitorando a germinação e a saúde das sementes, ao mesmo tempo que leva em consideração os recursos e insumos das fazendas usando redes neurais artificiais (RNAs). 

O inverso também é verdadeiro, as RNAs podem indicar quais entradas são necessárias para atingir o rendimento desejado.

Por ter uma compreensão mais clara dos insumos necessários, torna a agricultura mais eficiente e minimiza o desperdício. 

A IA tem muito a oferecer ao setor agrícola e pode monitorar variáveis ​​em um nível de detalhe com o qual os humanos não podem competir. Ele pode fornecer informações em tempo real sobre a saúde da planta, a qualidade do solo e as condições climáticas, permitindo que ajustes automatizados ocorram. 

Isso aumentará o rendimento e, ao mesmo tempo, minimizará o gasto de energia, uma vantagem para os agricultores e para o planeta. Particularmente importante para a irrigação, que é responsável por 80% da energia de entrada da agricultura.

Inteligência Artificial na lavoura

A IA possibilita a criação de bancos de dados públicos, que podem informar a gestão da fazenda e incentivar a adoção de práticas sustentáveis. Cada fazenda terá uma estratégia de manejo diferente, portanto, ao compartilhar essas informações, pode expor os agricultores a métodos que podem adotar para aumentar sua eficácia. Por sua vez, melhorando a eficiência do setor como um todo. 

Isso garante que o setor agrícola está defendendo as melhores práticas e terá padrões em constante evolução, à medida que as fazendas continuam a inovar e compartilhar.

Hoje, a IA tem um grande impacto no espaço agrícola, então, olhe para essas tendências de como isso revoluciona esse setor.

Monitoramento da lavoura

Tecnologias avançadas, como sensoriamento remoto, são úteis e podem fornecer métricas de safra em milhares de hectares de terras agrícolas. Podem trazer mudanças revolucionárias do ponto de vista do tempo e os esforços são monitorados pelos agricultores.

Com a ajuda de soluções emergentes, os agricultores e empresas agrícolas podem tomar melhores decisões durante o cultivo, bem como avaliar uma variedade de coisas como condições climáticas, temperatura, uso de água ou condições do solo em tempo real.

Inteligência Artificial na lavoura

Fornecimento de insights baseados em imagens

Com a ajuda da tecnologia de visão computacional e dados coletados com base em drones, os agricultores podem tomar ações imediatas em tempo real para gerar o alerta e acelerar a agricultura de precisão. 

Esta é uma das áreas significativas na agricultura de hoje. 

As tecnologias de visão por computador podem ser implantadas em áreas, incluindo detecção de doenças, preparação e identificação de safras, gerenciamento de campo, levantamento e mapeamento do solo.

Gerenciando Desafios Ambientais

Desafios ambientais como mudança climática e outros, são as maiores ameaças à produtividade agrícola, mas as técnicas acionadas por IA e a agricultura baseada em dados podem ajudar a tornar mais fácil para os agricultores navegar por turnos de acordo com as condições ambientais. 

Ele ajuda a lidar com as mudanças climáticas, possibilitando um gerenciamento de recursos mais inteligente.

Agricultura de precisão

Neste processo, os agricultores podem detectar pragas, doenças nas plantas e má nutrição das mesmas com a ajuda da IA. Além disso, os sensores de IA podem identificar e direcionar as ervas daninhas e, em seguida, decidir quais herbicidas aplicar na zona certa. 

Ajuda a impedir a aplicação excessiva desses defensivos e toxinas excessivas que aparecem na alimentação diária de hoje.

Aproveitando a IA, os agricultores também estão criando modelos de previsão sazonal para aprimorar a precisão e a produtividade agrícolas.

Fatores desafiadores e crescentes da IA ​​na agricultura

Apesar de um grande número de oportunidades para aplicações na agricultura, ainda existe uma falta de familiaridade com as tecnologias mais recentes na maior parte do mundo. Além disso, o alto custo inicial associado à implantação de IA na agricultura, pode ser um fator de restrição à digitalização do setor agrícola.

Os crescentes investimentos e adoção de IA e robótica estão acelerando principalmente o crescimento da IA ​​global no mercado agrícola. 

As aplicações de IA na agricultura compreendem: 

  1. Robôs agrícolas; 
  2. Tratores autônomos; 
  3. Drones agrícolas; 
  4. Monitoramento da saúde da colheita; 
  5. Reconhecimento facial e 
  6. Sistemas de irrigação automatizados.

Atenção!

Conforme você conferiu neste artigo, a IA auxilia o produtor desde a detecção de necessidades do solo, doenças, pragas e até na qualidade da safra, mas por ser algo novo, muitos ficam inseguros em implementar e quantificar o que sua fazenda precisa.

Os benefícios são muitos, mas é preciso um plano de negócio assertivo para empregar esse investimento em seu negócio.

Assim sendo, te indico que invista primeiro em seu conhecimento na produção como um todo, para garantir seu faturamento e que seu investimento renda lucro o bastante para crescer seu empreendimento agrícola e para isso há a Pós-graduação em Produção de Grãos do Rehagro.

Essa pós aborda desde o planejamento de safra, safrinha e a fertilidade do solo. Você dominará cada fase das culturas de grãos, como efetuar um programa de proteção eficiente e, é claro, ele também ensina sobre a agricultura de precisão, que é boa parte do que você leu neste artigo.

É um curso completo, no formato EAD, reconhecido pelo MEC e pela revista Exame, que o classificou como o melhor em agronegócio à distância.

Se você é produtor, técnico agrícola, engenheiro agrônomo e todo e qualquer profissional que lida com lavouras de grãos, este curso pode te ajudar. Nossos alunos classificam, com mais de 90%, o quanto o curso é aplicável e dizem que com certeza indicam a um amigo. 

Então, se ficou interessado e quiser saber mais sobre ele, clique no link:

Que você tenha muito sucesso em sua produção e carreira agrícola!

Aguardo você,

1 comentário